terça-feira, outubro 10, 2017

Em entrevista à ONU, Malala Yousafzai defende liberdade para mulheres

“Eu sempre quis ter uma educação de qualidade, ir para uma boa universidade”. 

Aos 20 anos, Malala Yousafzai está para ter seu sonho realizado. 

Em breve, a ativista dará início aos estudos em Oxford. 

A entrada no ensino superior é mais uma vitória na história da paquistanesa, vítima de um atentado orquestrado por terroristas que não concordavam que ela e outras meninas frequentassem a escola.


Leia mais



 

sexta-feira, outubro 06, 2017

Epidemia global: obesidade e sobrepeso em crianças

 Notícia veiculada no site da Radio UN de Nova York
Laura Gelbert Delgado e Monica Grayley



A Organização Mundial da Saúde (OMS) lançou no dia 04 de outubro de 2017, as novas diretrizes para combater o que já está sendo considerado como uma epidemia global: obesidade e sobrepeso em crianças.

Segundo estimativas da OMS, em 2016, a questão afetava cerca de 41 milhões de crianças menores de cinco anos de idade em todo o mundo.

Orientações
As orientações da OMS estão em um relatório que inclue a forma de como os profissionais de saúde podem identificar jovens em situação de risco de obesidade ou sobrepeso.
O documento ajuda ano aconselhamento e dieta, e inclui uma avaliação de hábitos alimentares, juntamente com cálculos mais frequentes de peso e altura.

Segundo a OMS, o problema atinge países desenvolvidos e em desenvolvimento.

Brasil
Em Nova Iorque, durante os debates gerais da Assembleia Geral, o chefe da Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação, FAO, José Graziano da Silva, falou à ONU News sobre o lançamento do relatório da agência que também aborda a questão.

“O nosso Sofi, como nós chamamos, o “Estado da Segurança Alimentar no Mundo 2017″, mostra uma outra coisa alarmante, particularmente nos países latino-americanos e no Brasil, que é o aumento da obesidade em crianças. No Brasil chegou a 9%. É um número assustador porque associado à obesidade entram as enfermidades”.

Mudança de padrões
A OMS afirma que a prevalência da obesidade em crianças reflete uma mudança de padrões na direção de dietas pouco saudáveis e sedentarismo.
Urbanização, aumento de renda, disponibilidade das chamadas "fast foods", demandas educacionais, tempo passado assistindo à televisão e a jogos levaram a um aumento no consumo de alimentos ricos em gorduras, açúcar e sal e a uma redução na atividade física.




 

segunda-feira, outubro 02, 2017

Fiocruz Brasília conclui capacitação em Moçambique


Notícia publicada no site da Fiocruz Brasilia
Lote Sigauque (Moçambique)
Wagner Vasconcelos (Fiocruz Brasília)


Técnicos de diversos setores governamentais e não governamentais de Moçambique tiveram em Monapo, na província de Nampula, o último encontro do ciclo de atividades que marcou a Formação em Governança em Segurança Alimentar e Nutricional (SAN) e Institucionalidade das Políticas Públicas, promovida pela Fiocruz.
Diante de uma realidade em que a desnutrição crônica atinge 43% da população, os técnicos criaram um grupo estratégico de trabalho que, dentre outros desafios, vai promover ações visando o direito humano à alimentação adequada a todos os níveis como forma de garantir a Segurança Alimentar e Nutricional.
As atividades da Formação começaram no dia 12 de setembro de 2017, com a primeira turma em Maputo, capital do país.
A segunda etapa contou com 37 alunos, dentre técnicos de nutrição, de saúde, ativistas distritais, agentes do Ministério da Agricultura e Segurança Alimentar de Moçambique, do Secretariado Técnico de Segurança Alimentar e Nutricional, jornalistas e profissionais de áreas afins.
Durante os sete dias da capacitação, os participantes debateram, a partir de realidades locais, as práticas nocivas à segurança alimentar e nutricional, a cultura alimentar e o direito humano à alimentação adequada. 
O curso tem entre seus objetivos mobilizar uma rede de agentes que atuem como multiplicadores de conhecimento sobre SAN em Moçambique.
Esses agentes serão supervisionados à distância pela Fiocruze e esta formação resulta de um acordo firmado entre representantes do governo e da embaixada moçambicana, dos ministérios da Saúde, Desenvolvimento Social e Relações Exteriores do Brasil e da Fiocruz através da Vice-presidência de Educação, Informação e Comunicação; Centro de Relações Internacionais em Saúde e Fiocruz Brasília).

Felizardo Ali e Silvia Salimo, dos distritos de Nacala Velha e Ribáe, respectivamente, disseram estar confiantes nos resultados que poderão advir da formação, apesar de reconhecerem os desafios existentes pela frente.
“Consegui capitalizar conhecimentos sobre a valorização da cultura alimentar e desnutrição crônica e espero contribuir para a redução dos casos nos nossos distritos”, disse Felizardo.
“O grupo é fundamental, pois é por meio dele que se vai promover maior abordagem sobre o tema no país e expandir a discussão às várias instituições ligadas à SAN”, afirmou Silvia Salimo.
A condução das atividades do curso ficou a cargo da coordenadora do Programa de Alimentação, Nutrição e Cultura (Palin) da Fiocruz Brasília, Denise Oliveira e Silva, e da diretora-executiva da Escola Fiocruz de Governo (EFG), Fabiana Damásio.

 

terça-feira, setembro 12, 2017

12 de setembro - DIA DAS NAÇÕES UNIDAS PARA A COOPERAÇÃO SUL-SUL


HOJE, comemora-se a adoção em 1978 do Plano de Ação de Buenos Aires para Promover e Implementar a Cooperação Técnica entre Países em Desenvolvimento (BAPA) e destacar a importância da colaboração Sul-Sul e triangular para a conquista dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável. 


Veja mais em: https://goo.gl/Vd6u5V







segunda-feira, setembro 04, 2017

EXPO Sul-Sul - 2017 - O caminho para os 40 anos do Plano de Ação de Buenos Aires (BAPA + 40)




A Exposição Mundial para o Desenvolvimento Sul-Sul ou Global South-South Development EXPO(GSSD é a única EXPO oferecida pelo sistema das Nações Unidas com foco exclusivamente no Sul Global. 

É uma plataforma poderosa que disponibiliza soluções para o desenvolvimento do Sul em diversas áreas. Um local para celebrar o sucesso da cooperação Sul-Sul e triangular; compartilhar conhecimentos e lições aprendidas e possibilita explorar novas vias de colaboração e brindar novas  parceria.

A EXPO Sul-Sul 2017 será realizada em Antalya na Turquia  de 27 a 30 de novembro de 2017. 

O tema da EXPO será "Cooperação Sul-Sul na Era da transformação Econômica, Social e Ambiental: O caminho para os 40 anos da Adoção do Plano de Ação de Buenos Aires (BAPA + 40)".



 

quinta-feira, agosto 17, 2017

Conhecimento sobre prevenção à AIDS permanece baixo, dizem jovens ao UNAIDS

Embora os números de novas infecções por HIV e mortes relacionadas à AIDS entre jovens tenham diminuído globalmente, em muitos lugares o conhecimento sobre a prevenção permanece preocupantemente baixo. Na ocasião do Dia Mundial da Juventude, lembrado no último sábado (12), o Programa Conjunto das Nações Unidas sobre HIV/AIDS (UNAIDS) conversou com quatro jovens de diferentes países, incluindo Brasil, sobre os desafios que enfrentam em relação ao tema.
 

Leia a reportagem

Laço vermelho, símbolo da luta contra a Aids. Foto: CC/Sham Hardy 

Noticia publicada por: ONU/Brasil




 

sexta-feira, agosto 11, 2017

Cursos online da OMS

A Organização Mundial da Saúde (OMS) lança uma nova plataforma interativa de transferência de conhecimento, que oferece cursos online para melhorar a resposta às emergências em saúde. 

O OpenWHO permite que a OMS e seus principais parceiros troquem conhecimentos para um grande número de pessoas.

 
Os cursos são em inglês e francês inicialmente.... e podem ser acessados aqui.